agosto 14, 2013

Inclusão Social na Argentina é melhor que no Brasil



Segundo pesquisas, o Brasil apesar de estar mais rico, ainda não possui uma boa inclusão social. Já a Argentina, apesar de estar mais pobre, ainda fica na frente do Brasil [...]






Segundo pesquisas, o Brasil apesar de estar mais rico, ainda não possui uma boa inclusão social. Já a Argentina, apesar de estar mais pobre, ainda fica na frente do Brasil na inclusäao social.

Não é de surpreender, em tudo o que tem a ver com social, a Argentina passa o Brasil. Infelizmente o Brasil só está ganhando mesmo é na economia.


Um grupo de estudos em Nova York também fez uma pesquisa no continente americano sobre inclusão social no continente, mas alguns países (como a Argentina, por exemplo) ficaram de fora (apenas 16 países participaram). Nessa pesquisa de Nova York o Brasil ficou em quinto lugar (Porque só consideraram 16 países), e os países melhores colocados foram Uruguai e Chile, o que já se era de esperar. Já que atualmente estes são os considerados dois melhores paises, num geral, para se viver, na América Latina.

O que sim surpreendeu foi que o Uruguai e o Chile ficaram a frente dos Estados Unidos, suposta terra das oportunidades. Mas os EUA ficaram em terceiro, o que não é nada mal. Abaixo mostro a lista dos 5 primeiros colocados.

Índice de Inclusão Social:

1 – Uruguai


2 – Chile


3 – EUA


4 – Costa Rica

5 – Brasil

Vale lembrar que as pesquisas foram feitas antes dos protestos no Brasil.

A posição do Brasil mostra que o dinheiro no Brasil ainda é pior distribuido que na Argentina, que o acesso a bons sistemas de educação e saúde não é para qualquer um e que há menos oportunidades para todos. Houve apenas um dos quisitos considerados pela pesquisa em que o Brasil ficou bem, que foi o de leis e oportunidade para gays.
Realmente, acho que o Brasil não é um lugar ruim para gays, apesar de que ainda vemos casos ediondos como os de São Paulo e que todo mundo sabe que em muitas cidades do Norte, o homosexualismo é descriminado. Mas a Argentina também, em geral, é um país bom para gays.

Durante a pesquisa, perguntou-se aos entrevistados como eles se sentem com relação ao seu país e ao seu poder de mudar o país. Os brasileiros pareceram mais frustrados que os argentinos.

Uma coisa também que achei interessante foi que na pesquisa dizem que em países com pouca inclusão social, normalmente coloca-se atores e jogadores de futebol em "patamares altíssimos". O que realmente se vê no Brasil, artista e jogador de futebol sendo tratado como reis, acima da lei.

2 comentários:

  1. Adorei o tópico, muito interessante!!

    ResponderExcluir
  2. Achei interessante a Argentina ficar de fora, tendo em vista que a argentina possui uma política segregacionista em relação a minorias étnicas bem maior que o Brasil.

    ResponderExcluir